Swap Party – Como realizar uma festa para Troca de Roupas

0 Flares 0 Flares ×

Descubra agora come é fácil ser chique sempre sem deixar de lado a ecologia e o respeito pela capacidade de carga do nosso Planeta e além de tudo… se divertir!
A realização de um “Swap Party”, que literalmente quer dizer “Festa da Troca”, tem sido um sucesso total nos Estados Unidos, país onde essa pratica foi criada (mais precisamente em Manhattan) e na Europa.
Para organizar um “Swap Party” é muito simples. Basta reunir um grupo de pessoas interessadas, em um lugar que pode ser um bar, um café, uma loja de roupas ou até mesmo a casa de um amigo. Se você for mais tecnológico pode criar o evento nas redes sociais ou então preparar um manifesto e difundi-lo em lugares de interesse público (para abrir o evento ao público em geral convém realizar o Swap em um lugar público).
Cada pessoa terá que levar um número de roupas próprias, usadas, semi-novas ou novas (daquelas literalmente estacionadas no guarda-roupa) mas que estejam em bom estado. Se muitas pessoas forem convidadas é importante estabelecer um número de roupas por convidado (senão ficara difícil dar conta da avaliação, que explicarei adiante).
Feito isso, o próximo passo é providenciar algumas araras, cabides ou qualquer outro suporte onde as roupas dos convidados serão expostas.
Por último você vai precisar de muitas fichas que serão o dinheiro para as pessoas poderem comprar as roupas durante o Swap e etiquetas para grampear os preços nas roupas.
Durante o Swap Party (se for organizar o Swap em casa ou em um lugar em que não ofereça alimentos e bebidas, não se esqueça de providenciar algo para os convidados beberem e comerem. Você também pode pedir para que cada um providencie alguma coisa, podendo também pedir para que cada um traga o próprio copo de vidro, o próprio prato para que descartáveis não sejam utilizados durante o evento)
Os convidados chegarão com as próprias roupas que primeiramente passarão por uma avaliação. Você terá que avaliar cada peça, com um valor que pode variar de 1 a 3 fichas. O preço será grampeado ou etiquetado nas roupas. É importante que em cada roupa dos convidados venha grampeado junto ao preço um código de identificação do convidado. Isso porque quando um convidado quiser ir embora, poderá rapidamente encontrar as suas peças trazidas (caso elas não tenham sido escolhidas por outro convidado). Isso evitará que você fique com um depósito de roupas usadas em casa.
Depois de avaliada a peça poderá ser exposta na festa. O convidado receberá as fichas equivalentes ao preço total de suas roupas. Só então o convidado poderá olhar e escolher as roupas expostas que lhe interessar. Depois de ter escolhido pagará as roupas com as fichas recebidas
Muito fácil e divertido, além de ser uma ótima maneira de evitar o consumismo desenfreado.
Um recurso descartado por um ser vivo pode ser uma riqueza para outro. A natureza nos ensina diariamente. Vamos praticar?

Fonte: Papel Semente

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Email -- 0 Flares ×
· ·


Artigos & Comentários relacionados